« Voltar
em carreira programação

Sabe o básico, mas não consegue codar? É normal.

Em minha vida de instrutor, muitas vezes eu ouvi pessoas falando coisas como:
-Sei a teoria, mas o que eu faço agora?
-Entendi muito bem coleções e generics, mas não sei quando usar elas
-Sei bastante coisa sobre C#, mas não consigo usar o que eu sei pra fazer um programa de verdade

Bem, eu te digo: isso é normal.

Tente começar pequeno

Começar a programar tem uma motivação por trás: você quer criar algo. Pode ser um jogo. Um app. Um antivírus, por que não?

E quando dar os primeiros passos, vai querer começar a desenvolver uma dessas coisas. Começar e terminar qualquer uma delas vai estar bem além do nível das suas habilidades no início. E isso não é ruim.

Vai ser difícil você terminar? Vai. Mas se estiver aprendendo nesse caminho, tudo bem.

Agora, se você realmente quiser terminar algo eu sugiro que você tente fazer coisas mais simples: programas baseados apenas em texto, sem uma interface gráfica.

Ah, mas não é tão legal quanto fazer algo bonito com uma interface da hora.

É, realmente não é. Mas você ficaria surpresa(o) do quanto pode aprender fazendo joguinhos baseados em texto :)

É bom pedir ajuda

Muitas, muitas e muitas vezes você vai se deparar com algo que vai pensar "Caramba, isso é impossível de resolver".
Spoiler alert: não é.

Sério, peça ajuda. Pedir ajuda é normal, é ok. Não te faz uma pessoa pior nem nada do tipo. Não tenha vergonha disso.

Mas também é muito importante saber pedir ajuda. Não apenas chegue nas pessoas e jogue seu problema no colo delas, ok?

Eu escrevi um post sobre como pedir ajuda para seus colegas de trabalho e outro sobre como pedir ajuda na internet, acho que eles podem te ajudar.

Escreva código pra caramba

Parece uma dica óbvia, mas olha só: hoje em dia temos muitas informações em vídeos, livros, aulas online e etc. E isso é ótimo.
Mas não se engane: você só vai aprender as coisas de verdade escrevendo código.

Você não vai se tornar um bom artesão apenas lendo livros sobre artesanato.

O primeiro programa será meio entediante. O segundo um pouco menos. O terceiro nem tanto.
Refaça o mesmo programa usando técnicas diferente. Comece de novo. Repita.
Continue fazendo isso e uma hora você verá como as coisas mudam :)

E lembre-se: fazer as coisas bem leva tempo.

Comece do começo

Em cursos e livros é muito normal você pegar um projeto já com os arquivos e ambiente configurados.
E é ok ser assim, afinal ter que ficar configurando projetos e ambientes nem sempre é uma experiência divertida. Ainda mais pra quem está começando.

Mas é algo que você deve saber.

Inicie um projeto do zero. Configure seu ambiente. Entenda para o que cada arquivo serve como funciona. Comece com os arquivos vazios e digite todas as linhas do zero.

Cuidado quando apenas copia e cola código dos outros. Funcionar é legal, mas mais legal ainda é quando você aprende e entende como funciona!


Gostou desse post?
Confira outros que acho que também vai gostar:
4 dicas para ser chamado para entrevistas
7 podcasts de programação e tecnologia que você tem que ouvir
Já se sentiu um impostor? Eu também
O guia do programador iniciante: como ter um portfólio nunca tendo trabalhado com programação

Quer ficar em dia com os meus posts e novidades? Se inscreva na minha newsletter, me segue no Twitter e na minha página!

comments powered by Disqus