« Voltar
em linux windows
Porque eu troquei meu Linux por Windows

Porque eu troquei meu Linux por Windows.

Eu sempre usei Windows, desde que comecei a mexer com computadores.

Depois de tanto tempo no mesmo sistema operacional, eu resolvi mudar de ambiente e ir pro Linux. Queria ver como era trabalhar nele e aprender coisas novas.

Depois de um tempo dando uma pesquisada, optei pelo Linux Mint.

No início gostei bastante e aprendi várias coisas novas, mas 3 meses depois acabei voltando pro Windows.

Vou te contar o porque :)


Se não quiser perder nenhum link bacana que eu posto, se inscreva em minha newsletter e me siga no Twitter :)
Lembrando que quem se inscreve em minha newsletter recebe um cupom pra comprar com 10% de desconto na Casa do Código.


Pequenos problemas de compatibilidade

Eu gravo pelo menos 2 podcasts por semana. E pra isso eu preciso usar um gravador, um Zoom H6 em conjunto com algum software de gravação.

E bom...o gravador nem sempre funcionava como deveria no Linux. Às vezes ele simplesmente não detectava e eu precisava reiniciar, ligar o gravador de novo e coisa do tipo.

Outro problema: minha impressora.
Eu instalei a impressora no Mint e por uns dias funcionou ok, até que parou e eu não conseguia imprimir mais nada.

Por fim, o wifi.
Por alguma razão bizarra, o wifi do computador simplesmente parava de funcionar. Era como se ele estivesse desabilitado.
E toda vez isso acontecia, eu tinha que reiniciar o computador.

Agora, é bem provável que existam soluções pra esses pequenos problemas meus. No entanto, em uma googlada rápida eu não consegui resolver nenhum deles.

E geralmente meus dias são bem corridos, eu não tenho tempo pra ficar encontrando solução pra problemas, sabe? Eu preciso que as coisas funcionem pra mim.

São problemas pequenos, mas que no dia-a-dia fazem bastante diferença.

O ambiente .NET

Minha linguagem de programação favorita é C#.
Sou instrutor dos cursos de .NET da Caelum e sempre que preciso resolver algo com software, eu não tenho dúvida e vou de C#.

Quando troquei pro Linux, sabia que o .NET Core estava em um estado ótimo pra ser usado fora do Windows, e realmente foi bem tranquilo usar ele.

Até escrevi um post sobre.

E o VS Code é ótimo, mas...não é o Visual Studio.
O ambiente de desenvolvimento dentro do Visual Studio é outra coisa, e eu senti bastante falta disso.

Ferramentas nativas

Eu uso basicamente 3 ferramentas pra me organizar: Evernote, Todoist e Calendar.

E elas estão abertas o tempo todo enquanto eu trabalho, especialmente Evernote e Todoist.

E eu curto usar os apps nativos do Todoist e Evernote e...eles não existem pra Linux.
Então, eu tinha que deixar eles abertos em uma aba dentro do navegador ou deixar outro navegador aberto com eles lá.

Eu sei que pode até parece besteira, mas isso faz muita diferença na maneira em que eu trabalho e me organizo.

Tem outros apps que eu poderia usar pra substituir eles?
Tem.
Mas eu não quero trocar. Uso há muito tempo, sou feliz com eles e muitas coisas que já fiz e faço estão lá.

Conclusão

Como você pode perceber, as razões não são porque eu não gostei de usar Linux ou porque o SO ruim de alguma forma.

Foram pequenas coisas do dia-a-dia que acabaram tendo um grande impacto na minha produtividade.

Mas eu não planejo abandonar de vez a ideia de usar outro SO além de Windows. Agora com o Windows Subsystem for Linux, é bem provável que eu comece a brincar de novo com o Linux. Mas dessa vez, dentro do Windows :)


Outros posts que você talvez goste:
Como eu me organizo com Todoist, Google Calendar, Evernote, Trello e IFTTT
Conselhos que eu queria ter recebido no início da minha carreira
A maior responsabilidade de uma pessoa que desenvolve: aprender
Criando e enviando arquivos para seu repositório no Github

Quer ficar em dia com os meus posts e novidades?

Participe do grupo no Telegram!

Aproveite e também e inscreva na minha newsletter, me segue no Twitter e na minha página!

Se você gosta dos meus posts, me apoie pra eu manter tudo aqui funcionando!

comments powered by Disqus