« Voltar
em iot

Microsoft lança plataforma para a Internet das Coisas.

A Microsoft já vem investindo pesado no Azure faz um bom tempo e a plataforma hoje oferece muitos serviços: desde a tradicional hospedagem de sites até Machine Learning.

E hoje, a Microsoft anunciou o lançamento da IoT Suite: uma série de serviços voltados para a tal Internet das Coisas baseados na nuvem.

O que é a Internet das Coisas mesmo?

Basicamente, a ideia da internet das coisas é que tudo possa ser um device: um carro, um avião, uma lampada, uma lousa, um poste, etc. E, que essas coisas possam gerar informações baseadas em interações que acontecem com elas. O device então envia essas informações, por exemplo, para um servidor SQL Server. E essas informações são analisadas, e que em cima das análises você possa montar relatórios e ferramentas de BI.

Ou talvez, dependendo da informação que você receba você queira gerar alguma ação que devolva uma resposta para o device.

Se você for parar pra pensar, se (quase) qualquer coisa puder ser um device, é device pra caramba.

Agora, será que em todos esses devices rodamos o mesmo sistema operacional e usamos as mesmas linguagens de programação? Será que os protocolos de comunicação são os mesmos?

Não.

Com o IoT Suite, o que a Microsoft quer é fazer o meio de campo entre os devices, os servidores e a aplicação final. E, consequentemente, facilitar a vida do desenvolvedor.

Pra quem quer brincar, o Windows 10 IoT roda no Raspberry Pi e Arduino.

Mas será que vale a pena estudar isso?

Bom...já faz um tempo que a tal internet das coisas é um hype e já tem bastante coisa sendo feito em cima disso. Se vai realmente explodir e surgir vários empregos e oportunidades na área, difícil dizer.

Mas indepentemente de explodir dessa forma ou não, uma coisa é fato: existem muitos problemas que podem resolvidos com esse tipo de tecnologia. E com as coisas ficando cada vez mais acessíveis(inclusive a informação) para nós, é uma ótima época para ser desenvolvedor (:

comments powered by Disqus