« Voltar
em carreira

Como se tornar relevante na área de TI sem ser um rockstar - Parte 3.

Deixa eu te perguntar uma coisa: quantas vezes você já teve um problema que não conseguia resolver, foi lá no Google, procurou e encontrou o que achava no Stack Overflow ou em algum site, blog, ou fórum?

Não faz nem ideia por que já perdeu a conta né.

E quantas vezes esses conteúdos já não salvaram a sua vida?

E você, quantas vezes você mesmo já escreveu a solução de um problema que teve na internet? Já compartilhou um bug cabuloso que teve que resolver na sua aplicação? Já explicou, detalhe por detalhe como configurar um ambiente de desenvolvimento X?

Eu tenho certeza que foi muito menos vezes do que você procurou por algo e encontrou (proporcionalmente falando).

Por que criamos tão pouco?

Se nós consumimos tanto esse tipo de conteúdo e é tão importante pra nós, por que produzimos ele tão pouco?
Nós deveríamos compartilhar mais. E é por isso que eu acho que você deveria ter um blog.

Um blog é a maneira mais simples, fácil e rápida de compartilhar conteúdo.

Ah, mas eu não tenho nada pra compartilhar.

Esse é um pensamento bem comum, achamos que não temos nada de relevante pra falar para as pessoas.

Pois deixa eu contar uma histórinha pra você.

Quando criei esse blog no meio de 2015 eu me empolguei muito e comecei a escrever posts todos os dias. E a grande maioria deles não eram sobre coisas avançadas. E ainda assim, as pessoas começaram a acessar e gostar do conteúdo.

Sabe qual o meu post que tem mais acessos, até hoje?
Um chamado Criando e enviando arquivos para seu repositório no Github.

Esse post é quase uma tradução literal da documentação do Github sobre como subir arquivos pra um repositório.

Pra muita gente isso é óbvio, não é?

O que é óbvio pra você pode ser a salvação de alguém

A resposta pra um problema que uma pessoa precisa resolver as 17:55 de uma sexta-feira na véspera de Carnaval.

Quantos problemas que você já resolveu que pareciam impossíveis?
Quanta coisa diferente já aprendeu desde que começou a trabalhar com programação?

E por que esses problemas e suas respectivas soluções estão só na sua cabeça?

Crie sua presença online

Além de compartilhar conteúdo e ajudar outras pessoas, ter seu blog ajuda a criar sua persona online. Quando você enviar seu currículo para as empresas, além da experiência, ter vários conteúdos técnicos escritos pode ser um diferencial.

Especialmente se você tá começando e não tem tenta experiência na área ou código no Github pra mostrar.

Além do mais, um blog pode te trazer freelas.
Eu já fiz post patrocinado de empresa gringa aqui e dei várias consultorias porque me encontraram.

Você pode ser um ótimo profissional e ter um ótimo emprego. Mas se além disso tiver uma presença online forte e for alguém ativo na comunidade, com certeza será ainda mais relevante.

Seja relevante

Se você criar conteúdo e ter uma presença online, compartilhar conhecimento no trabalho e focar em resolver problemas e ser uma pessoa participativa nas comunidades locais, com o tempo você se tornará um profissional extremamente relevante.

Se conseguir ainda participar em projetos open source e palestrar de vez em quando, é bem provável que se torne uma referência na área.

Mas lembre-se: fazer as coisas bem leva tempo.

Até você se tornar alguém de destaque, que as pessoas sabem quem é, que palestra e é convidado para eventos vai demorar um pouco.

Pare de enrolar e comece. Crie seu blog hoje!

O segredo principal de tudo é constância.

Faça um pouco todos os dias. E depois que começar, não pare :)


Essa foi a terceira e última parte! Você pode conferir a parte 1 e parte 2 também.

O que achou dos posts? Te ajudei de alguma forma? Deixe nos comentários a sua opinião :)


Quer ficar em dia com os meus posts e novidades? Se inscreva na minha newsletter, me segue no Twitter e na minha página!

comments powered by Disqus