« Voltar
em carreira
8 maneiras de deixar devs infelizes no trabalho

8 maneiras de deixar devs infelizes no trabalho.

O mercado de tecnologia é enorme e existem muitas empresas pra se trabalhar.

Mas, parece que existem alguns problemas que muitas têm em comum. E eles costumam deixar os devs bem infelizes.

Máquina ruim

Ok, trabalhar com programação pode não ser escrever código o tempo todo.
Mas querendo ou não, é na frente do computador que você passa a maior parte do seu tempo no trabalho.

Se o computador é lento demais para as tarefas que você tem que fazer, sua produtividade será prejudicada.

Seja porque você fica pistola com a lentidão ou porque você realmente demora pra fazer as coisas porque a máquina é lenta. Geralmente pelas duas razões.

Sério, quer que os devs produzam? Providencie uma máquina decente.

Muitas interrupções

Programação é um trabalho puramente intelectual: você precisa pensar em como resolver os problemas e, a partir do raciocínio, escrever o código com a solução.

Muitas vezes esses problemas são complexos e demoram pra ser resolvidos na cabeça da pessoa que programa. Se ela ficar sendo interrompida o tempo todo, sua produtividade com certeza será afetada.

Se ver um dev programando de fone de ouvido, pense duas vezes antes de interrompê-lo.

Cadeira desconfortável

Poxa, a gente passa o dia todo sentado.
Uma cadeira decente é mais do que necessário.

Não só porque você provavelmente produzirá menos se estiver desconfortável, mas por questão de saúde mesmo.
Postura ruim pode trazer sérios problemas a longo prazo.

Fazer mais trabalho do que deveria

Eu perguntei no meu twitter o que mais frustrava os devs no trabalho e o Ruan respondeu:

"Até hoje o que mais me frustrou num trabalho foi fazer trabalho de sênior, ganhar salário de pleno e ainda ouvir um não quando pedi pra ser promovido".

Isso, infelizmente, acontece mais do que deveria: empresas que contratam alguém com pouca experiência e jogam todo o trabalho possível e imaginável nas costas dessa pessoa.

Muitas vezes ela não tem a capacidade de fazer aquilo.
Mas pesquisa, fuça e se vira do jeito que dá no dia a dia (muitas vezes fazendo coisas sem saber direito o que tá fazendo) e consegue entregar o que precisa.

E aí, na hora de reconhecer o esforço...nada.

Falta de ajuda dos colegas e pessoas tóxicas

Programação não é um trabalho fácil. E é ainda mais difícil pra quem está começando.
Se os seus colegas não colaborarem te ajudando da maneira que podem, o trabalho pode ser bem complicado.

Fora as pessoas que chamamos de tóxicas: aquelas que, além de não ajudarem, vão fazer o possível pra dificultar sua vida na empresa.

Não seja essa pessoa.

Barulho e ambientes mal projetados

Como já falamos aqui, programar é um trabalho puramente intelectual.
E fica bem complicado fazer isso em um lugar barulhento.

Hoje em dia o ambiente open office está na moda. E ele é legal por várias razões, mas precisa ser cuidadosamente planejado ou você irá terminar com uma sala enorme cheia de barulho, com telefones tocando e pessoas sendo interrompidas o tempo todo.

Falta de flexibilidade nos horários

Ok, entendemos que nem todo emprego consegue flexibilizar o home office ou deixar as pessoas fazerem o horário que quiserem. Isso pode acontecer por N razões.

Mas às vezes a galera passa um pouco dos limites.
Eu já trabalhei em lugar que entrava 9h e se chegasse 9:15 eu tomava bronca.

Devs gostam de flexibilidade. Gostam de poder fazer um horário diferente, entrar um pouco mais tarde e de vez em quando trabalhar de casa.

Se você tá preocupado que se a pessoa trabalhar de casa ela não vai trabalhar de verdade, olha...te garanto que quem não quer não trabalha na empresa também. O problema aí é outro.

Liderança ruim

Um bom chefe é alguém que te ajuda a crescer e tira obstáculos da sua frente pra que você possa fazer seu trabalho da melhor maneira possível.

Eu já tive vários chefes ruins, e eles vêm em vários sabores:
O Microgerenciador: a pessoa que te pergunta a cada 5 minutos se o que você tá fazendo tá pronto. Que fica olhando a tela do seu computador pra ver se você tá trabalhando. Que conta a quantidade de vezes que você vai no banheiro (isso já aconteceu comigo, acredita?).
O Autoritário: não importa o que você diga, ele sempre estará certo e você errado. Suas decisões e opiniões estão acima de tudo e todos. Você frequentemente se pergunta porque ele tem uma equipe se não escuta ninguém.
O Invisível: o chefe que não presta atenção no que você faz, não enxerga seus esforços e tira o corpo fora jogando a responsabilidade para o time quando tem que tomar uma decisão difícil.
O Ignorante: ele acha que sabe tudo. Mas nem preciso dizer que não faz a menor ideia do que tá falando né? É difícil lidar com esse tipo porque ele sempre vai passar por cima de você achando que tá fazendo a coisa certa, quando 99% das vezes tá viajando.

Bem, eu poderia ficar aqui um tempão descrevendo mais chefes ruins, mas vamos ficar só com esses :P

Me conta os tipos que você conhece?

E dá uma lida no tweet que eu fiz pra descobrir o que mais faz a galera infeliz.


Outros posts que você talvez goste:
Cuidado pra não se perder no meio de tanta coisa pra estudar
É ok desistir às vezes

Quer ficar em dia com os meus posts e novidades?

Participe do grupo no Telegram!

Aproveite e também e inscreva na minha newsletter, me segue no Twitter e na minha página!

Se você gosta dos meus posts, me apoie pra eu manter tudo aqui funcionando!

comments powered by Disqus